Impactos da LGPD no mercado imobiliário

Sua empresa do ramo imobiliário costuma usar a internet? Seja para divulgar algumas ações, falar com clientes, postar conteúdos, mostrar sua casa ou apartamento ou qualquer outra finalidade?

Bom, se a resposta for sim, você provavelmente deve coletar dados das pessoas, sejam elas apenas interessadas em seu negócio ou clientes antigos. 

Número de telefone, e-mail, CPF, informações pessoais, enfim, se você utiliza a internet como ferramenta de divulgação de seus imóveis para venda ou locação equipados com armário de aço 2 portas, saiba que, nos dias de hoje, é preciso ter um cuidado redobrado. 

Com tantas pessoas presentes no mundo virtual, a troca de informações se tornou algo cada vez mais recorrente, o que faz com que milhares de dados estejam espalhados dentro desse universo. 

Sendo assim, foi preciso criar uma lei conhecida como LGPD, para garantir a segurança dos usuários. E acredite, ela possui impactos muito maiores do que você pode imaginar dentro do setor imobiliário. 

No texto de hoje, mostraremos tudo sobre a LGPD e como ela impacta diretamente o mercado imobiliário, bora conferir? Então vamos lá!

Afinal, o que é a LGPD?

A Lei Geral de Proteção de Dados foi criada para atualizar o Marco Civil da internet, e possui como principal objetivo, o tratamento dos dados pessoais, inclusive dentro dos meios digitais, protegendo os direitos fundamentais de liberdade e de privacidade de qualquer pessoa. 

Sendo assim, a LGPD tem como objetivo, garantir a segurança dos dados de qualquer usuário, fazendo com que ele seja protegido por lei no compartilhamento de suas informações.

Ou seja, se você se cadastrar em um site para comprar uma luminária de emergência, você deve ter todos os dados que cedeu, seguros e protegidos.

Agora que você já sabe o que significa essa lei, que tal saber como ela impacta o mercado imobiliário? Abaixo, listamos alguns fatores onde ela influencia, vamos conferir?

Mapeamento de dados

Sabemos que, dentro de qualquer imobiliária, existem centenas de informações coletadas dos clientes, sendo  elas armazenadas dentro do seu computador ou espalhadas em papéis. 

Achar o dado certo pode ser uma missão complicada no meio de tanta coisa, porém, a LGPD estipula que os dados podem ser divididos em três categorias, facilitando o mapeamento e encontrando aquilo que você precisa de forma mais simples. 

  • pessoais — informação para identificar e diferenciar uma pessoa da outra, tais como RG e CPF;
  • anonimizados — que não podem ser identificados, de modo que meios técnicos foram utilizados para tratar a informação disponível;
  • sensíveis — que mostram informações muito particulares de cada indivíduo, tais como opinião política, religião, orientação sexual, entre outros.

Comitê moderador

O comitê moderador surge como uma opção para mediar a comunicação entre a empresa, o governo e o titular dos dados. Esse serviço é crucial em uma gestão imobiliária, já que garante que tudo está sendo resolvido de acordo com os trâmites jurídicos.

Esse comitê é responsável por orientar e indicar a necessidade da utilização dos dados coletados da maneira correta, reforçando a transparência necessária, e fazendo com que seu negócio traga mais segurança na coleta e uso dos dados. 

Aumento de uma boa segurança

Não são poucos os dados importantes que as imobiliárias gerenciam, cópias de documentos, contas bancárias, endereços e contratos, são alguns exemplos cruciais dentro de qualquer empresa deste setor. 

Sendo assim, a LGPD, garante que todo o manuseio dessas informações seja tratado de forma muito mais segura, minimizando as chances de ameaças virtuais, vazamento de dados ou qualquer outro cibercrime. 

Otimização nas estratégias de marketing

O marketing está presente desde uma empresa que vende mesa rústica de madeira até a sua imobiliária, sendo assim, otimizar esse recurso é fundamental para adquirir mais eficiência e produtividade em seu dia a dia. 

Através da LGPD, você usa os dados disponibilizados pelos seus clientes, descartando o que for desnecessário e alcançando resultados com as informações que são realmente benéficas para o seu negócio. 

O que achou sobre o texto de hoje? Deixe sua opinião nos comentários abaixo e não se esqueça de compartilhar com seus amigos caso tenha gostado, até a próxima!


Esse artigo foi escrito por Iago Lourenço, criador de conteúdo do Soluções Industriais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.